(19) 3251-2312 / 3325-1522  |    (19) 99837-4640  |    contato@singular.med.br  |  
 

dor neuropática cid11

Lesões ou doenças no sistema nervoso somatossensorial podem levar a aumento da sensibilidade à dor ou até mesmo a dor espontânea. Geralmente esse tipo de dor persiste continuamente ou se manifesta através de episódios recorrentes. Várias podem ser as causas da dor crônica neuropática, como por exemplo doenças metabólicas, traumas, condições neurodegenerativas, vasculares ou autoimunes, infecções, tumores ou por causas desconhecidas.

A prevalência da dor crônica neuropática está entre 6,9% a 10% da população em geral, causando grande sofrimento e incapacidade. O diagnóstico da dor crônica neuropática requer uma avaliação especializada que possa demonstrar a origem da dor.

No CID-11, a dor crônica neuropática é subdividida em dois principais subtipos, conforme a origem: central ou periférica. A dor de origem central é subdivida em 5 sudiagnósticos. Já a dor de origem periférica é subdivida em 7 subdiagnósticos. Nos próximos posts abordaremos estas subdivisões.