(19) 3251-2312 / 3325-1522  |    (19) 99837-4640  |    contato@singular.med.br  |  
 

burden of diseaseNo dia 20 de julho foi publicado no periódico The Lancet uma análise do Global Burden of Disease Study 2016 no Brasil, um grande estudo que identificou o impacto das principais doenças no país. A análise aponta que desde 1990 até os dias atuais, os principais causadores de incapacidade no país são a dor lombar e a dor cervical. Além disso, o artigo aponta que em 26 anos, a quantidade de anos vividos com incapacidade devido a estas duas dores aumentou em 79,7% em média.

Uma possível reflexão a respeito do artigo é pensarmos por que com todos os avanços tecnológicos da medicina, a incapacidade provocada por dores lombares e cervicais aumentou. Uma possível resposta está relacionada com o grande desconhecimento que ainda existe na população em geral e nos profissionais de saúde a respeito do tratamento específico de casos de dor e dos recursos mais indicados para proporcionar aumento da qualidade de vida e diminuição da incapacidade para esses pacientes. Medicina Intervencionista da Dor, fisioterapia especializada, psicologia: são muitos os recursos a serem empregados para este fim. É necessário ampliarmos o conhecimento sobre o tema Brasil afora. Esta é uma das missões do Singular.

O Global Burden of Disease é um programa global abrangente para identificar a mortalidade e o nível de incapacidade relacionado a doenças, lesões e fatores de risco. Trata-se de uma colaboração internacional que envolve 1800 pesquisadores de 127 países, financiado pela fundação Bill e Melinda Gates.

Para acessar o artigo, clique no link: https://www.thelancet.com/action/showPdf?pii=S0140-6736%2818%2931221-2